Arquivos de Debates

sexta-feira, 28 de janeiro de 2011

Ledo Engano

 
LEDO ENGANO






por Hilda Regina Medeiros (*)











Saudade é um sentimento competente...
Talvez o mais competente de todos.
O Amor se instala, se realiza, se aprisiona e se desmaterializa.
A Amizade, idem... mas sem muita pretensão de TER, apenas SER.
O Ódio é avassalador, mas precisa de eco para sobreviver...
A Saudade não... e por isso maltrata!
Sentir a ausência de algo ou de alguém é fácil e um ato corriqueiro,
Mas não é Saudade...
Saudade é sentir antes de ver, viver antes de nascer...
Saudade é a fênix da vida.
Quando se sabe que nada mais se poderá fazer, ela mostra que resta sentir...
Quando se pensa que já se esgotou tudo o que se pode sentir, ei-la...
Enfim, quando se acredita que nada mais fará a dor aumentar, ela faz a lágrima escorrer...
É... Saudade é isso!
Saudade de mim... De ti... De nós...
Até os nós da saudade são mais belos, mais cegos, mais apertados e mais... Mais!
A saudade pode parecer para um observador desatento
Como uma grave ameaça a própria felicidade...
Ledo engano... É o contrário!
Saudade é apenas um jeito da alma mostrar ao corpo
Que viveu...
Que sorriu...
Que sofreu...
Que lutou...
Que quedou...
Mas, principalmente,
Que o AMOR venceu!

 
*Hilda Regina Medeiros, Advogada, Belém, Pará, Amazônia, Brasil. Escrito em Dezembro/2007.

7 comentários:

Ajuricaba disse...

Uau...Muito legal meeesmo. Não sou conhecedor de poesia, mas é bem agradável de ler.

marcia1907 disse...

gente, que legal, está havendo epidemia de poestas: depois do barena é a onça que revela todo seu talento.!

Velvet Poison disse...

Acho que essa epidemia é bem do bem!

Hilda Regina... (onça, nada!) que beleza, de expressão... é só saudade, o que eu sinto.

Jocas!

Bernardino disse...

Que legal Hilda! Parabens.

Zinha_09 disse...

Linda,linda,linda sua poesia,Dona Onça!
Parabéns!
Um gde abç!

moimemei disse...

Que lindo Hilda!
Sempre é bom dar uma parada na correria da vida e ler o que os amigos escrevem.
Mas ler com atenção mesmo, porque sempre leio como se estes belíssimos poemas fossem escritos por alguém que espiou os meus sentimentos.
Eu ando emotiva e me emocionando com tantas coisas delicadas que os amigos escrevem...
Parabéns!

Verazattar disse...

Que LINDO!!!
Sabe qual a poesia que eu gostava demais da conta quando era menina! "Saudades" de Bastos Tigre! Viajava naquela poesia. Hide,você é talentosa para escrever. Eu gosto de poesia. Compro livros de poesia! O último foi Kavafis!
Bjs.
Vera
Ps- E atrás de uma Onça mora a sensibilidade...

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...